tempo2

Os maiores sabotadores no dia-a-dia de um executivo

Quais os grandes sabotadores no dia-a-dia dos executivos estão e como eles podem lidar com eles?

Para os executivos que não fazem parte do nível “C”, considero que as duas questões mais impactantes são reuniões e e-mail. Estas duas atividades consomem uma quantidade enorme de tempo das pessoas, que em sua grande parte não é muito bem empregado. Mas ambos são problemas tranquilamente solucionáveis com uma certa dose de disciplina e organização.

No casso do e-mail, minhas sugestões são bastante simples. Primeiro, não olhar para o sei “inbox” a cada minuto; olhar para ele a cada hora ou duas já proporcionará um bom ganho de tempo. Em segundo lugar, tentar disciplinar-se a ler apenas o assunto, a fim de descartar 50% a 80% dos seus e-mails imediatamente. Todos nós recebemos diariamente muitos “spams”. Em terceiro lugar, se condicionar a apenas acessá-lo uma vez, ou seja, após a leitura imediatamente decidir o que fazer com cada e-mail. Concentre-se nos e-mails que são importantes e responda-os imediatamente. Evite colocá-los em algum tipo de sistema ou pasta de armazenamento temporário, porque no momento em que você estiver pronto para finalmente respondê-los, você vai gastar mais meia hora tentando encontrá-los.

Já para as reuniões, em primeiro lugar, você deve ter os materiais prontos e agenda enviados com antecedência a todos os envolvidos. Em segundo lugar, a pessoa que está conduzindo a reunião deve falar por um curto período de tempo, 10 ou 15 minutos, e não consumir todo o tempo da reunião. Em terceiro lugar, é necessário um período para uma verdadeira discussão e debates sobre o assunto em pauta. Em quarto lugar, você deve concluir a reunião com uma clara lista de afazeres – quais são os próximos passos, quem fará o acompanhamento e quais são os prazos? E em quinto lugar, você deve encerrar a reunião no período máximo de 90 minutos, e se esforçar ao máximo para que seja em 60 minutos.

No Comments

Post a Comment